sexta-feira, 12 de abril de 2013

"O que te emociona?"

Ganache de chocolate. Séries de televisão. Bosque. Tudo o que o mundo e as pessoas tem (e deixam) implícito. Recheio de nozes. Abraços protetores. Uma cidade chamada Guararema. Sonhos longos. Cafuné (sério). Moedas em quantidades ridículas. As Crônicas de Gelo e Fogo. O refrão de All this and heaven. A recepção da Kiara. Banhos sem fim. Versões acústicas. Mãos finas. Jazz Rock. Show de rock. Cantores de rock. Barbas loiras. Sorrisos que suspiram. Fight Club. Caneta de ponta fina. Olhos de rapina. Alecrim. Sol e vento juntos. Fins de tarde. Psicologia. Chorar de rir. Rever os melhores amigos do passado. Comprar ingressos. Guardar ingressos. Amar ingressos. Chorar em season finales. Sorrir no sorriso do meu irmão. Me acalmar na paciência da minha irmã (a oriental). Me encontrar na paz dele.Verde esmeralda. Jóias que já pertenceram a outra pessoa. Ruivas. Índios. Contos europeus. Titanic. Livros japoneses. Bolsas de caubói. Botas baixas. Inverno. Inverno. Inverno. Sessões noturnas. Chorar por compreensão. Bolinho de chuva. Gifs animados. Bebedeiras memoráveis. Mar sem ondas. Óculos de sol. Confiança implícita. Lealdade. Cães felizes. Personagens absurdos. Jack Sparrow. Tatuagem. Estampas inesperadas. Torta de maçã. Dias de edredom e cortina fechada. Chamar a mãe de "mamãe". Morrer de rir sozinha. Cochilos de metrô que valem a pena. Paixões instantâneas. Desejo pelo mesmo sexo.O encore de Little black submarines. Qualquer versão de Hoodoo. Frases de efeito. Peônias. Boêmias. Quietinhos. Tequila. Decoração oriental. Vasos grandes demais para ser verdade. Madrugadas que findam azuladas. Olhos cheios d'água. Novembro. Manhãs de aniversário. Ser alvo de saudades sinceras. Vinho do Porto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário