terça-feira, 7 de abril de 2015

No tears from the creatures of the night

Blend de sentimentos estranhos desabrocharam em um sorriso contrariado:

Quando as minhas férias vão refletir as minhas escolhas? Quando a minha casa vai ter as minhas cores favoritas? São essas mesmas perguntas que os perdidos da minha idade tem se feito também?

Nenhum comentário:

Postar um comentário